“Splice” – Novos Posters e Trailer.

| Lido 7.383 vezes

Já estreou nos Estados Unidos o novo filme de Vincenzo Natali (“Cube“), “Splice“, e o feedback é animador por várias razões. Primeiro, as críticas de que o filme não é aquilo que foi publicitado nos trailers agrada-me. O filme parece ter uma profundidade que não agradou à maioria dos americanos, o que é sempre bom sinal. Segundo, as vozes que se levantaram contra uma cena de sexo entre a personagem de Adrien Brody e a sua criação. Já se sabe que os americanos são os mais falsos dos puritanos, e sempre que uma polémica destas se levanta, o resultado é quase sempre interessante. Terceiro, apesar de tudo o que foi dito de negativo acerca do filme, uma coisa parece consensual: Natali dá grandes mostras de maturidade e consciência artística. Ou seja, ‘o filme tem umas coisas que nós não gostamos, mas está aqui um autor que valerá a pena seguir, se fizer filmes mais normais‘. Para mim, se isto tudo se confirmar está óptimo. Agora só falta uma data de estreia para Portugal.

Aqui ficam mais dois Posters e o novo Trailer para a Internet.

3 comentários em ““Splice” – Novos Posters e Trailer.”

  1. Esse filme mostra algo que na vida real não é muito diferente. Os cientistas (não são todos, existem os honestos), apesar de suas pretensões de objetividade e apesar de criticarem a religião pela sua hipocrisia e crimes contra a humanidade (o que concordo, porém, nem toda religião é hipócrita, existem as honestas), também tem seus esqueletos no armário. A ciência, a despeito de suas contribuições à humanidade, é amoral. É movida a dinheiro e seus interesses se alinham de acordo isso. Existe, no meio científico, intenso desejo de destaque e posição,o que, naturalmente, fazem muitos cientistas a trapacearem, a agirem como patifes e adotarem a máxima “o fim justificam os meios”. E nem é preciso criar monstros genéticos. Há muito, a ciência tem criado seus “monstros” sem nenhuma ética e sabedoria previdente, achando que os controlaria e o resultado estamos colhendo, como, por exemplo o aquecimento global. Bem, vocês estão avisados…

    Responder

Deixe um comentário