Recomendo: Feromona – “Uma Vida a Direito”

| Lido 2.817 vezes

Já tem mais de um ano, o disco “Uma Vida a Direito” dos Feromona. Edição practicamente “caseira” e disponibilizada gratuitamente no site da banda, é um dos melhores discos Portugueses de 2008. Indie Rock a fugir para o Grunge, são sobretudo canções muito bem escritas, com poemas simples, ora agressivos, ora ternos, apenas contemplativos  ou que contam uma pequena estória. Buscando inspiração no dia a dia, em casa, na sociedade, ou nos filmes, complementam-na com um olhar crítico, cínico, mas quase sempre assumido na 1ª pessoa. Musicalmente, são composições simples, rock, bem executadas e que servem a crueza das letras na perfeição. A banda é composta por Diego Armés na voz e guitarra, Marco Armés na bateria, percussões e coros e Bernardo Barata no baixo e coros. Seguem-se a letra e o último video retirado do álbum, Bisturi. Façam o download do disco ou, melhor ainda, comprem-no, porque eles merecem!

Bisturi

Um bisturi
pedaço de algodão doce
um bisturi
que eu seguro como se ele fosse
só p’ra ti
p’ra que mordas sem que eu sinta remorsos
desse sangue que essa boca espalha
pelo chão da sala
em teu redor
esse sangue que essa boca espalha

ver-te sangrar
coquete sem entendimento
ver-te sangrar
sem sentir o arrependimento
e descobrir
tanta alegria numa poça encarnada
por que é que agora já não dizes nada?
e descobrir
tanta alegria numa poça encarnada
por que é que agora já não dizes nada?

é consequência do teu mau comportamento
é consequência do teu mau comportamento
é consequência do teu mau comportamento

Deixe um comentário